A Via da Reverência

Nossa Senhora Rainha e a Via da Reverência
Rainha Nossa Senhora e a Via da Reverência

A porta de entrada e mais popular via de devoção mariana: A Via da Reverência.

Está presente nos cânticos, rezas, frases, palavras de sábios e orações de santos. 

Mas o que significa essa via?

A reverência é o caminho escolhido pelos devotos que gostam de ver Maria como Nossa Senhora, Rainha do Céu e da Terra, hierarquicamente maior que todos os mortais, dividindo seu reinado com Cristo, da qual é serva, sem deixar de ser nossa Rainha. 

Nessa relação, nós somos os servos. É uma relação de servidão, respeito, reverência e um certo temor. É muito fácil imaginar isso. Pense em alguma autoridade que você tenha o máximo respeito. Como é sua relação com ela?

Geralmente tende a ser mais distante, um tanto fria, mas muito intensa também, porque apesar da distância, o sentimento de autoridade exerce poder enorme sobre nós e quando concedemos esse título à alguém, tudo o que ela disser será sagrado, será lei, como um decreto.

Montfort chama Maria de “Imperatriz do Universo” e São João Eudes disse que o divino Poder a estabeleceu como “Rainha de todos os Anjos e de todo o Universo”. 

Nesse sentido, a Rainha Maria merece ser tratada com todas as pompas, formalidades e opulências. Uma Rainha se veste suntuosamente e está cercada de servos. Geralmente senta-se num trono cravejado de pedras preciosas e de lá comanda todas as ações, bem diferente da Maria de Nazaré, que saía de casa descalça, enrolada em panos simples carregando um pote de cerâmica para buscar água no poço.

Mas nessa linha não. Na linha da opulência, Maria é justa e temida como na canção, “temível como um exército em ordem de batalha”, é uma Maria mais parecida com a visão divina do antigo testamento ou a Maria do Apocalipse, da coroa, da lua no pé, pisando na serpente, adornada pelo Universo. 

Esse modo de interação não é errado, porque não deixa de ser porta de entrada para um aprofundamento posterior. É um primeiro passo, primeira abordagem, importante para que depois não se banalize as pessoas divinas.

O respeito e a reverência são importantes pois formam base firme, humilde e de bom discernimento a fim de evitar erros no caminho como presunção e arrogância, que muitos cometem por não outorgar autoridade ao objeto de devoção.

Mas esse caminho formal, de maneira natural e espontânea, geralmente se transforma em intimidade e então entrará a via da doçura, que é a próxima Via do devoto mariano.

O que os santos e sábios do caminho da reverência falam sobre esse caminho? Saiba mais clique aqui

Faça o primeiro comentário a "A Via da Reverência"

Comentar

O seu endereço de email não será publicado.


*